Flores Raras

Oiê!

Hoje eu vou escrever sobre um filme que assisti e me deixou encantada: Flores Raras. Já fazia algum tempo que eu não ia ao cinema para assistir um filme brasileiro, não porque eu não valorize nossas produções, mas porque normalmente os que acabam entrando em cartaz nos cinemas maiores são sempre os filmes brasileiros de comédia e, sem querer ser chata, me irrita um pouco a mesma comédia “sacaninha” de sempre desses filmes: mulheres gostas, homens canalhas e jeitinho brasileiro para tudo (salvo algumas exceções). Bom, como eu não estou aqui pra criticar os filmes brasileiros de comédia, mas para elogiar um filme de enorme sensibilidade, prossigamos.

O longa de Bruno Barreto é baseado na história real entre a arquiteta brasileira Lota de Macedo Soares (Glória Pires) e a poetisa norte-americana Elizabeth Bishop (Miranda Otto), que viveram um romance e moraram juntas em Petrópolis entre as décadas de 1950 e 1960. Duas mulheres, seus traumas, força e trajetórias, que vivem um amor intenso capaz de uni-las, mas não tão forte a ponto de sobrepor-se às suas vaidades e interesses profissionais.

O que mais gostei no longa foi a delicadeza com que Bruno Barreto expõe a relação entre as duas, nada do clichê barato que frequentemente assistimos no cinema quando se aborda o assunto homossexualidade. As cenas íntimas entre as duas são leves e claras, nada de exageros, nada de diferenças ou de um controle demasiado, apenas duas pessoas que se amam sendo representadas. A excelente atuação de Miranda Otto aumenta ainda mais o envolvimento do público com o filme, a atriz australiana além de belíssima representa seu papel de uma forma impecável.

O filme é muito bem ambientado, com bons cenários e figurinos. Outra coisa que me chamou bastante atenção foi a coloração da imagem, que traz a sensação de ser rodado realmente na época. No entanto, o que me desagradou um pouco foi o fato de a personagem Lota (Glória Pires) falar muito em inglês, o que acabou deixando a atriz um pouco “engessada”, não que não seja perceptível que a ideia é fazer com que fique explícito que ela é uma brasileira falando uma língua estrangeira, mas acho que principalmente nas cenas mais tensas entre as duas personagens principais faltou uma “mistura de línguas”, uma desconexão lógica entre as palavras, já que ao meu ver, em um momento de tensão emocional algumas palavras são impossíveis de serem “derramadas” em uma língua que não seja nossa língua materna. Talvez essa questão da linguagem tenha acabado causando esse “engessamento” na atuação de Glória Pires em algumas cenas mais passionais, mas nada que tirasse o brilho dela no papel de Lota.

Flores Raras é um filme envolvente, forte e delicado ao mesmo tempo, e me surpreendeu bastante. Saí do cinema extremamente tocada pela história dessas duas mulheres incríveis. Para aqueles que ainda não viram fica a minha dica, assistam, não haverá arrependimentos. Deixo abaixo o trailer para que não fiquem dúvidas.

#AtéMais #SeeYou #HastaLuego

Ficha técnica (fonte Wikpédia)

 Brasil
2013 • cor • 118 min
Direção
Bruno Barreto
Produção
Paula Barreto
Lucy Barreto
Coprodução
Globo Filmes
LC Barreto
Produção executiva
Romulo Marinho
Roteiro
Carolina Kotscho
Matthew Chapman
Baseado em
Flores Raras e Banalíssimas, de Carmem Lucia de Oliveira 2
Elenco
Glória Pires
Miranda Otto
Tracy Middendorf
Treat Williams
Marcello Airoldi
Luciana Souza
Tânia Costa
Marianna Mac Nieven
Gênero
Drama
Idioma
Português
Inglês
Direção de arte
José Joaquim Salles
Direção de fotografia
Mauro Pinheiro
Figurino
Marcelo Pies
Estúdio
Globo Filmes
LC Barreto Productions
Imagem Filmes
Globosat/Telecine Productions
Teleimage3
Distribuição
Imagem Filmes
Lançamento
16 de agosto de 2013
Orçamento
R$ 13 milhões
Anúncios

One Comment Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s