Ultimo Tango a Parigi

Hello People!

Ontem eu assisti um filme e acordei pensando em todos os filmes que eu assisto e acabo me esquecendo que assisti, então tive uma ideia (tcharaaam!): vou fazer minha “movie list” aqui no blog, assim eu crio meu guia de lembranças virtual e também posso ajudar alguém que esteja indeciso em se vai assistir o tal filme ou não. 🙂

Anteriormente eu já havia escrito no blog sobre outros filmes, Flores Raras e Out of Africa, mas na ocasião o que tinha me motivado eram outros fatores, agora vou levar essa brincadeira a sério e não deixar passar nada, o que também vai me ajudar a rever filmes que eu tenho vontade de rever há tempos resumindo: vai ser divertido pra mim e espero que seja divertido pra vocês!

P.S.: Claaaaro que eu não vou dar spoiler dos filmes aqui né gente!? Haha.

“Startamos” então com o “tal” filme de ontem à noite: Ultimo Tango a Parigi, em português Último Tango em Paris (olha só, que novidade, a tradução tá certa!). A Wikipédia fala dele como sendo um drama erótico franco-italiano, mas eu achei esse lance de drama erótico meio forte. O filme é de 1972 de direção de Bernardo Bertolucci, foi estrelado por Marlon Brando e Maria Schneider (uma atriz desconhecida na época), não preciso dizer que é locado em Paris né!?

Bom, o que eu gostei no filme é que apesar de ter uma história de certa forma simples, ele envolve bastante. Os dramas emocionais dos personagens são intensos e a relação deles é muito interessante. Existem cenas de sexo? Sim, existem. Mas nada que vá além do que deveria ir. A personagem Jeanne, vivida por Maria Schneider, é linda, jovem e poética; enquanto Paul (Marlon Brando) é um personagem de meia-idade, caótico, intrigante e apaixonante.

Apesar da história ser “muito a mesma” (se é que vocês me entendem), o filme me pareceu rápido e intenso, nenhum pouco monótono. Claro que estamos falando de um clássico aclamado do cinema, um filme que na época alcançou muita bilheteria, então com toda a certeza trata-se de um ótimo filme. Para mim é um filme não só para os cinéfilos, mas para aqueles que gostam de dramas sentimentais e dilacerantes. Eu gostei e super indico.

Algumas coisas curiosas sobre o filme: os personagens falam francês, mas em alguns momentos em inglês; tango que é bom mesmo só vemos em um momento (ha, spoiler!).

Abaixo a ficha técnica (fonte: Wikpédia) e o trailer para os que se interessaram.

 Itália,  França
1972 • cor • 129 min
Direção
Bernardo Bertolucci
Produção
Alberto Grimaldi
Roteiro
Bernardo Bertolucci
Franco Arcalli
Agnès Varda
Elenco
Marlon Brando
Maria Schneider
Género
drama, erótico
Idioma
francês, inglês
Música
Gato Barbieri

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s