Gone with the Wind (o filme)

Hello Pessoas!

No dia 15 de Dezembro de 2014 um dos meus filmes favoritos completa 75 anos “de vida”, estou falando de Gone with the Wind (no Brasil E o Vento Levou). Sem dúvida alguma esse é um dos filmes mais importantes da história do cinema, sendo que: foi um dos primeiros filmes a cores, um dos filmes com maior faturamento da história, considerada a inflação, e também um dos mais assistido de todos os tempos, tendo sido visto por mais de 400 milhões de pessoas em todo o mundo. Ganhador do Oscar de melhor filme em 1940, Gone with the Wind recebeu ao todo 13 indicações na premiação, conseguindo levar ao todo 8 estatuetas (melhor filme, melhor diretor, melhor atriz, melhor atriz coadjuvante, melhor roteiro adaptado, melhor edição, melhor fotografia, melhor direção de arte).

 Ao longo de suas  3 horas e 53 minutos de duração, o que vemos é a encantadora história dos Sulistas norte-americanos antes, durante e depois da Guerra Civil Americana. E é essa história que vai transformando a vida e personalidade de Scarlett O’Hara, uma mocinha dessas que a gente ama por ser voluntariosa, atrevida e muitas vezes maldosa. Scarlett O’Hara é, sem dúvidas, uma personagem que envolve o espectador, também pudera, interpretada pela maravilhosa Vivien Leigh, não poderia ser diferente. Clark Gable como Rhett Butler é outra perdição, e juntos os dois constroem um dos melhores romances da história do cinema.

Como eu não quero dar nenhum spoiler aqui para os que não assistiram ainda, o que posso dizer é que se existe alguma pessoa no planeta que não assistiu ainda esse filme, esse é o momento! Nada mais justo do que comemorar o aniversário de 75 anos desse clássico, entendendo porque até os dias atuais ele é considerado um marco do cinema mundial. Como falei no começo, Gone with the Wind é um dos meus filmes preferidos e, sendo assim, nunca poderia ficar fora da minha movie list.

Havia uma terra de cavaleiros e campos de algodão chamada “O Velho Sul”. Neste mundo bonito, a Galanteria fez sua última mesura. Lá puderam ser vistos, pela última vez, cavalheiros e suas belas damas, senhores e escravos. Procure-a apenas em livros, pois hoje não é mais que um sonho a ser lembrado. Uma civilização que o vento levou…

 Abaixo a ficha técnica (fonte: Wikipédia) e o trailer para os que se interessaram.

 Estados Unidos
1939 • cor • 238 min
Direção Victor Fleming
B. Reeves Eason (2ª unidade)1
Produção David O. Selznick
Roteiro Sidney Howard, baseado no livro de Margaret Mitchell
Elenco Vivien Leigh
Clark Gable
Olivia de Havilland
Leslie Howard
Hattie McDaniel
Género drama
épico
Idioma inglês
Música Max Steiner
Cinematografia Ernerst Haller
Lee Garmes
Edição Hal C. Kern
James E. Newcom
Estúdio Selznick International Pictures
Distribuição Metro-Goldwyn-Mayer
Lançamento Estados Unidos 15 de dezembro de1939
(Premiere em Atlanta)
Brasil 1º de janeiro de 1940

XOXO

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s