Uma Noite de Sorrisos

Se eu sorrir assim bem à vontade,

quero que saibas que metade desse sorriso é teu,

a outra metade é do licor doce que tomamos no jantar.

Tenho me distraído com bobagens puras nos últimos dias,

mas hoje enquanto líamos Quintana, Drummond e Barros,

percebi que toda essa distração tem me tornado uma pessoa um pouco menos pessoa,

capaz de dizer verdades mesmo quando precisa contar mentiras.

E sim, adoro poder jogar conversa fora contigo,

porque em todas às vezes que atirei nossas palavras na lixeira,

foi como se estivesse beijando tua boca uma outra vez.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s